sexta-feira, 6 de janeiro de 2017



Não serei tua
Já que não és meu
Serei um pouco de cada homem
Me partirei em mil pedaços e me darei aos lobos famintos.
Nunca serei tua completamente. E nunca deixarei de ser tua por um segundo se quer.
Mas serei tua aos cacos, aos bagaços do que sou.
Porque me destes apenas restos quando eu te dei todo meu amor.

Angel.

Nenhum comentário: