segunda-feira, 27 de fevereiro de 2017

Amor

Deixa-me ser tua sem ser.
Ser o sonho de tua noite
O primeiro pensamento em teu amanhecer
Quero ser o pão que devora
E a faca faminta que o corta ao meio.
Quero ser o calor do meio dia
E o frescor da brisa que te refresca
Quero que estendas a mão e me toque sem eu estar.
Quero ser tua sombra ao sol e tua luz na escuridão...

Angel

Nenhum comentário: