terça-feira, 25 de abril de 2017

Vampira



Estou em êxtase
Convulsão de gozos
Delírios com você numa madrugada febril.
A boca que percorre meu corpo inexiste. É sonho!
Atravesso a madrugada suando nos lençóis, gemendo seu nome no entreabrir dos lábios.
Você não está. Você não é. 
Eu, sua. Estremeço e sucumbo a exaustão deste desejo... 

Angel

Nenhum comentário: