quinta-feira, 4 de maio de 2017

Viajante

Ela sempre dizia que ia embora, por isso deixava a mala pronta, ao lado da porta. Porém toda noite, pouco antes de adormecer dizia a si: vou ficar mais um dia, quem sabe vai  acontecer algo pelo que valha a pena insistir?
E ela ficava. E todo dia, aconteciam. Não grandes coisas, daquelas que saem nos notíciários, mas pequenas daquelas que marcam a alma pela eternidade...

Angel...

Nenhum comentário: